Os imperdoáveis

29 DE AGOSTO
terça-feira − 19h30

Unforgiven (Os imperdoáveis). Direção e produção: Clint Eastwood. Roteiro: David Webb Peoples. Música: Lennie Niehaus. Fotografia: Jack N. Green. Edição: Joel Cox. Elenco: Clint Eastwood, Gene Hackman, Morgan Freeman, Richard Harris, Jaimz Woolvett e outros.
― 1992, Estados Unidos. 2h 11min. Em inglês, com legendas em português.

Wyoming (EUA), séc. XIX. Um homem desfigura a face de uma prostituta com uma faca. As outras prostitutas oferecem um prêmio para quem caçar e matar o agressor de sua colega. Pistoleiros aposentados aceitam realizar esse último trabalho. Nesse filme desmitificador do Velho Oeste, a violência não é gloriosa e se manifesta como reação da insegurança masculina. As mulheres não são vistas como estereótipos e os antigos heróis celebrizados pela literatura popular são mostrados como ineptos ou farsantes.

Não recomendada para menores de 14 (quatorze) anos

Críticas e comentários

Em um mundo melhor

Em um mundo melhor (Susanne Bier, 2010)
26 DE JULHO
terça-feira − 19h30

Hævnen (Em um mundo melhor). Direção: Susanne Bier. Produção: Sisse Graum Jørgensen. Roteiro: Anders Thomas Jensen, Susanne Bier, Per Nielsen. Música: Johan Söderqvist. Fotografia: Morten Søborg. Edição: Pernille Bech Christensen, Morten Egholm. Elenco: Mikael Persbrandt, Wil Johnson, Eddy Kimani, Emily Mulaya, Gabriel Muli e outros.
― Dinamarca, Suécia, 2010. 1h 59min. Em dinamarquês, sueco, inglês, árabe, com legendas em português.

Anton é um médico que vive entre sua casa numa tranquila cidade na Dinamarca e seu trabalho num campo de refugiados africanos. Nesses dois mundos diferentes, ele e sua família se deparam com conflitos que os levarão a escolhas difíceis entre vingança e perdão. Anton e sua esposa Marianne estão separados e lutam com a possibilidade do divórcio. Seu filho mais velho, Elias, estava sofrendo na escola até ser defendido por Christian, o novo garoto recém-chegado de Londres com seu pai, Claus. A mãe de Christian perdeu recentemente sua luta contra o câncer e ele está profundamente abalado pela perda. Elias e Christian criam rapidamente uma forte ligação, mas quando Christian envolve Elias num perigoso ato de vingança com consequências potencialmente perigosas, sua amizade é testada e vidas são postas em risco.

Não recomendada para menores de 14 (quatorze) anos

 

 Críticas e comentários

Aqui é o meu lugar

Aqui é o meu lugar (Paolo Sorrentino, 2011)
21 DE JUNHO
terça-feira − 19h30

This must be the place (Aqui é o meu lugar). Direção: Paolo Sorrentino. Roteiro: Paolo Sorrentino, Umberto Contarello. Música: David Byrne, Will Oldham. Fotografia: Luca Bigazzi. Edição: Cristiano Travaglioli. Elenco: Sean Penn, Olwen Fouere, Judd Hirsch, Eve Hewson, Kerry Condon e outros.
― Itália, França, Irlanda, 2011. 1h 58min. Em inglês, hebraico, com legendas em português.

Cheyenne (Sean Penn) é um astro da música de 50 anos de idade, afastado dos palcos há mais de duas décadas. Deprimido e refém de sua própria fama, ele vive de renda, deprimido e angustiado. Quando recebe a notícia que seu pai, que não vê há 30 anos, está muito doente, resolve visitá-lo em Nova Iorque, mas chega tarde demais. Decidido a encontrar aquele que foi o algoz do seu pai nos tempos da guerra, no campo de concentração de Auschwitz, ele sai em busca pelos Estados Unidos numa viagem de descoberta pela América.

Não recomendada para menores de 14 (quatorze) anos

 

 Críticas e comentários

Hamlet

Hamlet (Franco Zeffirelli, 1990)
26 DE ABRIL
terça-feira − 19h30

Hamlet. Direção: Franco Zeffirelli. Roteiro: Christopher De Vore, Franco Zeffirelli, baseado na peça Hamlet, de William Shakespeare (1564-1616). Música: Ennio Morricone. Elenco: Mel Gibson, Glenn Close, Alan Bates, Paul Scofield, Ian Holm e outros.
― Estados Unidos, Reino Unido, França, 1990. Cor, 195 min. Em inglês, com legendas em português.

Na Dinamarca, o Príncipe Hamlet tenta vingar a morte de seu pai, Hamlet, o rei, executado por Cláudio, irmão do rei, que o envenenou e em seguida tomou o trono casando-se com a rainha.

#Shakespeare400

Este filme insere-se em nosso Pequeno Festival Shakespeare, em comemoração ao quarto centenário do falecimento de William Shakespeare (1564 – 1616).

Não recomendada para menores de 14 (quatorze) anos

To be, or not to be, that is the question.
Ser ou não ser, eis a questão.

Críticas e comentários