Cinema Paradiso

Cinema Paradiso (Giuseppe Tornatore, 1988)

13 jun.
quarta-feira, 19:30 — Centro Cultural de Brasília

Nuovo cinema Paradiso (Cinema Paradiso). Direção: Giuseppe Tornatore. Produção: Franco Cristaldi, Giovanna Romagnoli. Roteiro: Giuseppe Tornatore, Vanna Paoli. Música: Ennio Morricone. Fotografia: Blasco Giurato. Edição: Mario Morra. Design de produção: Andrea Crisanti. Elenco: Antonella Attili, Enzo Cannavale, Isa Danieli, Leo Gullotta, Marco Leonardi e outros.
― 1988, Itália, França. 2h 35min. Em italiano, com legendas em português.

O menino Toto se encanta pelo cinema e inicia uma grande amizade com o projecionista de sua pequena cidade. Já adulto e agora um cineasta bem-sucedido, Toto volta a lembrar de sua infância ao descobrir que seu velho amigo faleceu.

Não recomendada para menores de 14 (quatorze) anos

Críticas e comentários

Anúncios

A nau dos insensatos

11 DE JULHO
terça-feira − 19h30

Ship of Fools (A nau dos insensatos). Direção e produção: Stanley Kramer. Roteiro: Abby Mann, baseado no romance Ship of fools (1962), de Katherine Anne Porter. Música: Ernest Gold. Fotografia: Ernest Laszlo. Edição: Robert C. Jones. Design de produção: Robert Clatworthy. Decoração: Joseph Kish. Figurino: Bill Thomas. Elenco: Vivien Leigh, Simone Signoret, José Ferrer, Lee Marvin, Oskar Werner e outros.
― 1965, Estados Unidos. P&B, 2h 29min. Em inglês, alemão, espanhol, com legendas em português.

O filme mostra a história de diferentes passageiros a bordo de um navio que viaja do México rumo à Alemanha pré-Hitler. Durante longos 36 dias, vários personagens contam suas vidas e suas experiências. Há um discípulo do nazismo, um rico judeu, um dançarino franzino e sua trupe. Um médico, Wilhelm Schumann, fica frustrado por não conquistar a bela Condessa; há o nobre e amaldiçoado espanhol; o amor entre os dois jovens e artistas americanos. E há também Glocken, um anão filósofo que anuncia que aquela é a nau dos insensatos.

Livre para todos os públicos

Críticas e comentários