Cristo parou em Eboli

Cristo parou em Eboli (Francesco Rosi, 1979)

No dia 10 de novembro, terça-feira, às 19h30, o Cine-Fórum CCB (Jesuítas) apresenta o filme Cristo parou em Eboli, dirigido pelo cineasta italiano Francesco Rosi (1922–2015).

Sinopse

Inspirado no romance autobiográfico de Carlo Levi (1902-1975), o filme narra a vida de um médico e escritor antifascista colocado sob prisão domiciliar em 1935 em uma remota vila italiana. Proibido de exercer qualquer atividade, incluindo a prática da medicina, ele descobre o mundo camponês, longe dos círculos intelectuais, até ser libertado dois anos depois já tendo ganhado a estima dos agricultores pobres da região.

Cristo si è fermato a Eboli (Cristo parou em Eboli). Itália, França: 1979. Direção: Francesco Rosi. Roteiro: Francesco Rosi, Tonino Guerra, Raffaele La Capria, baseado no romance autobiográfico de Carlo Levi “Cristo si è fermato a Eboli”, de 1945. Elenco: Gian Maria Volonté, Irene Papas, Paolo Bonacelli, Alain Cuny, Lea Massari e outros. Música: Piero Piccioni. Fotografia: Pasqualino De Santis. Edição: Ruggero Mastroianni. 150 min, em italiano, com legenda em português.

Não recomendada para menores de 14 (quatorze) anos

Entrada franca

Comentários, críticas, textos de apoio

Os brutos também amam

Shane (Os brutos também amam)

No dia 14 de abril, terça-feira, às 19h30, o Cine-Fórum CCB (Jesuítas) apresenta o filme Os Brutos também amam, dirigido pelo cineasta estadunidense George Stevens (1904-1975), com Alan Ladd (1913-1964). 

Sinopse

A lendária versão do mais perfeito mito do gênero western. Shane, um errante e veterano pistoleiro, defende uma pacata família, aterrorizada por um rico boiadeiro e seu atirador de aluguel. Ao encarar a batalha decisiva, Shane vê o final de seu próprio estilo de vida.

Shane (Os brutos também amam). Estados Unidos: 1953, 118 min, em inglês, legendado em português. Direção: George Stevens. Produção: Paramount Pictures. Roteiro: A.B. Guthrie Jr., Jack Sher, baseado em romance homônimo de Jack Schaefer (1907 – 1991). Elenco: Alan Ladd, Jean Arthur, Van Heflin, Brandon De Wilde, Jack Palance. Distribuidor: Paramount.

Entrada franca

Não recomendado para menores de 12 (doze) anos

Uma voz nas sombras

uma-voz-nas-sombras

Pequeno Festival
SIDNEY POITIER

No dia 25 de novembro, terça-feira, às 19h30, o Cine-Fórum CCB (Jesuítas) apresenta o filme Uma voz nas sombras, dirigido pelo cineasta americano Ralph Nelson (1916–1987). 

Olhem como crescem os lírios do campo: eles não trabalham nem fiam. Eu, porém, lhes digo: nem o rei Salomão, em toda a sua glória, jamais se vestiu como um deles.

Mateus 6, 28-29

Sinopse

Um trabalhador itinerante, passando pelo Arizona, encontra-se com cinco mulheres que tentam soerguer uma pequena e improdutiva fazenda.  A contragosto e sem pagamento, o hábil operário realiza o reparo de um telhado e vai envolvendo-se em outros afazeres. Essas mulheres são freiras alemãs e o incubem de construir uma nova capela para o local. O filme é uma doce parábola que evoca a confiança na Providência.

Lilies of the Field (Uma voz nas sombras). Estados Unidos: 1963, 94 min, P&B, em inglês, alemão, espanhol, com legendas em português. Direção: Ralph Nelson. Produção: Ralph Nelson, J. Paul Popkin. Roteiro: James Poe, baseado na novela “Lilies of the Field”, de William E. Barrett (1900–1986). Elenco: Sidney Poitier, Lilia Skala, Lisa Mann.

Entrada franca

Livre para todos os públicos

Narradores de Javé

Narradores de Javé (Eliane Caffé, 2003)

No dia 13 de maio, terça-feira, às 19h30, o Cine-Fórum CCB (jesuítas) apresenta o filme Narradores de Javé, dirigido pela cineasta brasileira Eliane Caffé.

A apresentação de Narradores de Javé insere-se no Pequeno Festival Nossa Língua Portuguesa.

Sinopse

Somente uma ameaça à própria existência pode mudar a rotina dos habitantes do pequeno vilarejo de Javé. É aí que eles se deparam com o anúncio de que a cidade pode desaparecer sob as águas de uma enorme usina hidrelétrica. Em resposta à notícia devastadora, a comunidade adota uma ousada estratégia: decide preparar um documento contando todos os grandes acontecimentos heroicos de sua história, para que Javé possa escapar da destruição. Como a maioria dos moradores são analfabetos, a primeira tarefa é encontrar alguém que possa escrever as histórias.

Narradores de Javé. Brasil, França: 2003, 100 min, em português, yoruba. Direção: Eliane Caffé. Roteiro: Luis Alberto de Abreu, Eliane Caffé. Elenco: José Dumont, Nelson Xavier, Matheus Nachtergaele.

Entrada franca.

Livre para todos os públicos

Leituras indicadas