Infâmia (1961)

Infâmia (William Wyler, 1961)

No dia 3 de junho, terça-feira, às 19h30, o Cine-Fórum CCB (Jesuítas) apresenta o filme Infâmia, dirigido pelo cineasta americano William Wyler (1902–1981).

Sinopse

História de duas amigas que dividem a direção de uma escola para meninas. Para vingar-se das professoras, que a haviam deixado de castigo, uma aluna conta à sua influente avó Amélia que testemunhou atos estranhos entre as duas, insinuando que existe um relacionamento amoroso entre elas. Horrorizada, Amélia – cujo sobrinho é noivo de uma das professoras – tira a menina da escola, além de espalhar o boato pela cidade. Este é o início de um escândalo que atinge toda a comunidade, com repercussões inesperadas e trágicas.

The children’s hour Infâmia. Estados Unidos: 1961, 107 min, P&B, em inglês, legendas em português. Direção: William Wyler. Roteiro: John Michael Hayes, baseado na peça de Lillian Hellman. Elenco: Audrey Hepburn, Shirley MacLaine, James Garner.

Entrada franca.

Não recomendada para menores de 14 (quatorze) anos

Anúncios

Singularidades de uma rapariga loura

Singularidades de uma rapariga loura (2009)

No dia 20 de maio, terça-feira, às 19h30, o Cine-Fórum CCB (jesuítas) apresenta o filme Singularidades de uma rapariga loura (2009), dirigido pelo cineasta português Manoel De Oliveira (1908-).

A apresentação de Singularidades de uma rapariga loura insere-se no Pequeno Festival Nossa Língua Portuguesa.

Sinopse

Numa viagem de trem para o Algarve, Portugal, Macário conta as atribulações da sua vida amorosa a uma desconhecida senhora. Relata a sua paixão pela jovem loura que vivia na casa do outro lado da rua, Luísa Vilaça. Assim que a conheceu, quis de imediato casar com ela. O tio, para quem trabalhava, discordava da relação, e por isso despediu-o e expulsou-o de casa. Macário consegue enriquecer em Cabo-Verde e quando já tem a aprovação do tio para finalmente casar com a sua amada, descobre então a “singularidade” do carácter da noiva.

Singularidades de uma rapariga loura. Portugal, Espanha, França: 2009, 64 min, em português. Direção: Manoel De Oliveira. Roteiro: Manoel de Oliveira, baseado no conto homônimo de Eça de Queirós. Elenco: Ricardo Trêpa, Catarina Wallenstein, Diogo Dória.

Entrada franca.

Livre para todos os públicos

Leituras indicadas